<$BlogRSDUrl$>

trato-me por tu


You don't even know me - use your illusion: trato_meportu@hotmail.com

quarta-feira, dezembro 03, 2003

O LUSCO-FUSCO NA ALAMEDA DAS ALMAS

Secou o arremesso gentil das tuas fábulas, desfez-se a arcada protectora das vozes animais. Desapareceu a chusma infame dos teus hábeis costumes de contrariar costumes.
Secou o fio imperceptível de luz do teu interior, o clarão que mostravas à noite. A candeia que se revolve e aparece o dia.
Arreou-se violentamente a força nos teus braços. Dos teus braços.
Julgas ver com esses olhos escuros?

0 Comments:

Enviar um comentário


M83
Farewell, goodbye

This page is powered by Blogger. Isn't yours?